Marcha das Vadias reúne centenas de pessoas na área central de Brasília

domingo, 27 de maio de 2012

Manifestação ocorre simultaneamente em São Paulo e no Rio de Janeiro.
Protesto pela liberdade das mulheres reuniu cerca de mil pessoas em 2011.

Do G1 DF
Comente agora
Manifestantes durante a Marcha das Vadias no DF (Foto: Vianey Bentes / TV Globo)Manifestantes durante a Marcha das Vadias no DF (Foto: Vianey Bentes / TV Globo)
A Polícia Militar estima que cerca de mil pessoas participam da Marcha das Vadias no Distrito Federal, neste sábado (26).
Os manifestantes se concentraram na Praça do Zumbi dos Palmares, em frente ao Conic, e saíram em direção ao Eixo Monumental, onde chegaram a ocupar quatro faixas.
A manifestação está sendo realizada simultaneamente em 20 cidades no mundo. No Brasil, há protestos no Rio de Janeiro, em Belo Horiznte e em São Paulo.
No ano passado, a marcha no Distrito Federal ocorreu em junho e reuniu cerca de mil pessoas. A expectativa da organização era reunir até 5 mil pessoas no protesto deste ano.
mobilização nasceu em Toronto, no Canadá, em maio de 2011, depois que um policial sugeriu, durante uma palestra sobre prevenção do estupro, que as mulheres evitassem se vestir como vadias para não se tornarem vítimas.
Manifestante durante Marcha das Vadias em Brasília (Foto: Rede Globo / DF)Manifestante durante Marcha das Vadias em Brasília (Foto: Rede Globo / DF)
Manifestante exibe cartaz durante Marcha das Vadias em Brasília (Foto: Rede Globo / Reprodução)Manifestante exibe cartaz durante Marcha das Vadias em Brasília (Foto: Rede Globo / Reprodução)
Manifestante vestida de freira na Marcha das Vadias do DF (Foto: Rede Globo / Reprodução)Manifestante vestida de freira na Marcha das Vadias do DF (Foto: Rede Globo / Reprodução)
Manifestando durante a Marcha das Vadias no DF, que ocupou todas as faixas da W3 Norte (Foto: Vianey Bentes / TV Globo)Manifestante durante a Marcha das Vadias no DF, que ocupou todas as faixas da W3 Norte (Foto: Vianey Bentes / TV Globo)
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário